Archive for: Trevas

«Aos que jaziam na sombria região da morte surgiu uma luz»

«Aos que jaziam na sombria região da morte surgiu uma luz»

Hoje, Senhor, Tu manifestaste-Te ao Universo e a Tua luz apareceu-nos. Por isso, face a essa revelação, nós Te cantamos: Tu vieste, Tu manifestaste-Te, ó luz inacessível! (1Tm 6,16). […] Na Galileia dos gentios, no país de Zabulão, na terra de Neftali, como diz o profeta, resplandeceu Cristo, a grande […]

Compartilhe isso:
 
 

«Quando ouvirdes falar de guerras e revoltas, não vos alarmeis»

«Quando ouvirdes falar de guerras e revoltas, não vos alarmeis»

Quanto mais o rei se aproxima, mais necessidade temos de nos preparar. Quanto mais se aproxima o momento em que o prêmio será atribuído ao lutador, melhor tem de ser a luta. É também o que acontece nas corridas: quando chega o final da corrida e o objetivo se aproxima, […]

Compartilhe isso:
 
 

«Uma lâmpada para os meus passos é a Tua palavra, uma luz no meu caminho» (Sl 118,105)

«Uma lâmpada para os meus passos é a Tua palavra, uma luz no meu caminho» (Sl 118,105)

A lâmpada no lampadário é Nosso Senhor Jesus Cristo, a verdadeira luz do Pai «que ilumina todo o homem que vem a este mundo» (Jo 1,9). Dito de outra forma, é a Sabedoria e a Palavra do Pai; tendo aceitado a nossa carne, tornou-Se realmente e foi chamado a «luz» […]

Compartilhe isso:
 
 

«Vós sois a luz do mundo»

«Vós sois a luz do mundo»

Diz São João na sua epístola: «Deus é luz» (1Jo 1,5); aquele que permanece em Deus está na luz, como Ele próprio está na luz. Uma vez que temos a alegria de estar livres das trevas e do erro, devemos caminhar sempre na luz, como verdadeiros filhos da luz. […] […]

Compartilhe isso:
 
 

«Ele gritava cada vez mais»

«Ele gritava cada vez mais»

Que todo o homem que conhece as trevas que fazem dele um cego […] grite a plenos pulmões: «Jesus filho de David, tem misericórdia de mim!». Mas ouçamos também o que se segue aos gritos do cego: «Aqueles que caminhavam à frente repreendiam-no para o fazer calar» (Lc 18, 39). […]

Compartilhe isso:
 
 

«Aos que jaziam na sombria região da morte surgiu uma luz»

«Aos que jaziam na sombria região da morte surgiu uma luz»

Sobre Adão, cego no Éden, ergue-se um sol, que surgiu em Belém e que lhe abriu os olhos, lavando-os nas águas do Jordão. Sobre aquele que jazia na sombra e nas trevas elevou-se a luz que nunca mais se extinguirá. Acabou para ele a noite, para ele tudo é dia; […]

Compartilhe isso: