Os apóstolos viram o Senhor na sua glória quando ele foi transfigurado sobre o Monte Tabor; mas, mais tarde, na hora da sua paixão, eles fugiram com medo. Tal é a fragilidade do homem. Em verdade, somos bem desta terra; mais: desta terra pecadora. Por isso o Senhor disse: «Sem mim, nada podeis fazer». E é mesmo assim. Quando a graça está em nós, somos verdadeiramente humildes; então a nossa inteligência é mais viva, e somos obedientes, doces, agradáveis a Deus e aos homens. Mas quando perdemos a graça, secamos como um sarmento cortado da videira. Se alguém não ama o seu irmão pelo qual o Senhor morreu no meio de grandes sofrimentos, é porque está separado da Videira. Mas aquele que luta com o pecado será suportado pelo Senhor, como a cepa suporta o sarmento.

São Siluane (1886-1938), monge ortodoxo
Sermões
Fonte: Evangelho Cotidiano

 

Tags: , , , ,

 

Não há comentários

Seja o primeiro a deixar um comentário.

Post a Comment


 
 
 

Pesquisar neste site

Web manager