• O amor ou o próprio nome de Deus
  • «Bendito seja o Rei que vem em nome do Senhor!» (Lc 19,38)
  • «Abraão, vosso pai, exultou por ver o meu dia; ele viu-o e exultou de alegria»
  • Agir como Abraão
  • «Ninguém Lhe deitou as mãos»
  • «São elas [as Escrituras] que dão testemunho de Mim»
  • https://evangelhoquotidiano.org/PT/
  • O amor ou o próprio nome de Deus

    O amor ou o próprio nome de Deus

    Deus é amor (1Jo 4,8). E quem empreendesse defini-l’O seria como um cego que pretendesse contar os grãos de areia de uma praia. Quanto à sua natureza, o amor é uma semelhança com Deus, na medida em que é possível os mortais assemelharem-se a Ele; quanto à sua atividade, é […]

  • «Bendito seja o Rei que vem em nome do Senhor!» (Lc 19,38)

    «Bendito seja o Rei que vem em nome do Senhor!» (Lc 19,38)

    No Céu, sentado no teu trono, cá em baixo sentado num burrinho, Cristo, Tu que és Deus, acolhias os louvores dos anjos e os hinos das crianças que Te cantavam: «Bendito sejas, Tu que vens chamar Adão». […] Eis o nosso Rei, manso e pacífico, montado num jumentinho, com pressa […]

  • «Abraão, vosso pai, exultou por ver o meu dia; ele viu-o e exultou de alegria»

    «Abraão, vosso pai, exultou por ver o meu dia; ele viu-o e exultou de alegria»

    «Abraão apanhou a lenha destinada ao holocausto, entregou-a ao seu filho Isaac e, levando na mão o fogo e o cutelo, seguiram os dois juntos. Isaac disse a Abraão, seu pai: […] “Levamos fogo e lenha, mas onde está a vítima para o holocausto?” Abraão respondeu: “Deus proverá quanto à […]

  • Agir como Abraão

    Agir como Abraão

    Olhando para a promessa de Deus e ignorando qualquer perspetiva humana, sabendo que Deus é capaz de obras que ultrapassam a natureza, Abraão confiou nas palavras que lhe tinham sido dirigidas, não guardou nenhuma dúvida no seu espírito e não hesitou sobre o sentido que devia dar às palavras de […]

  • «Ninguém Lhe deitou as mãos»

    «Ninguém Lhe deitou as mãos»

    Encontramos em Cristo características tão humanas, que não têm nada que as distinga da fraqueza que é comum a todos nós, os mortais, e ao mesmo tempo características tão divinas, que só podem pertencer à soberana natureza divina. Perante isto, a inteligência humana, que é demasiado restrita, sente uma admiração […]

  • «São elas [as Escrituras] que dão testemunho de Mim»

    «São elas [as Escrituras] que dão testemunho de Mim»

    «O rosto de Moisés resplandecia porque ele tinha falado com Deus. Aarão e todos os Israelitas viram-no […] e tiveram medo de se aproximar dele. […] Quando Moisés acabou de lhes falar, cobriu o rosto com um véu» (Ex 34,29s). O brilho com o qual o rosto de Moisés resplandecia […]

  • https://evangelhoquotidiano.org/PT/

    A água do batismo cura-nos e dá-nos a verdadeira vida

    Bebei da água viva do Senhor, pois ela brotou para vós (cf Is 12,3). Vinde, vós todos que tendes sede (Is 55,1), recebei a água que sacia. Repousai junto da fonte do Senhor, pois é bela e pura; ela acalma a alma. As suas águas são mais doces do que […]

 

Mais recentes

O amor ou o próprio nome de Deus

O amor ou o próprio nome de Deus

Deus é amor (1Jo 4,8). E quem empreendesse defini-l’O seria como um cego que pretendesse contar os grãos de areia de uma praia. Quanto à sua natureza, o amor é uma semelhança com Deus, na medida em que é possível os mortais assemelharem-se a Ele; quanto à sua atividade, é […]

 
 

«Bendito seja o Rei que vem em nome do Senhor!» (Lc 19,38)

«Bendito seja o Rei que vem em nome do Senhor!» (Lc 19,38)

No Céu, sentado no teu trono, cá em baixo sentado num burrinho, Cristo, Tu que és Deus, acolhias os louvores dos anjos e os hinos das crianças que Te cantavam: «Bendito sejas, Tu que vens chamar Adão». […] Eis o nosso Rei, manso e pacífico, montado num jumentinho, com pressa […]

 
 

«Abraão, vosso pai, exultou por ver o meu dia; ele viu-o e exultou de alegria»

«Abraão, vosso pai, exultou por ver o meu dia; ele viu-o e exultou de alegria»

«Abraão apanhou a lenha destinada ao holocausto, entregou-a ao seu filho Isaac e, levando na mão o fogo e o cutelo, seguiram os dois juntos. Isaac disse a Abraão, seu pai: […] “Levamos fogo e lenha, mas onde está a vítima para o holocausto?” Abraão respondeu: “Deus proverá quanto à […]

 
 

Agir como Abraão

Agir como Abraão

Olhando para a promessa de Deus e ignorando qualquer perspetiva humana, sabendo que Deus é capaz de obras que ultrapassam a natureza, Abraão confiou nas palavras que lhe tinham sido dirigidas, não guardou nenhuma dúvida no seu espírito e não hesitou sobre o sentido que devia dar às palavras de […]

 
 

«Ninguém Lhe deitou as mãos»

«Ninguém Lhe deitou as mãos»

Encontramos em Cristo características tão humanas, que não têm nada que as distinga da fraqueza que é comum a todos nós, os mortais, e ao mesmo tempo características tão divinas, que só podem pertencer à soberana natureza divina. Perante isto, a inteligência humana, que é demasiado restrita, sente uma admiração […]

 
 

«São elas [as Escrituras] que dão testemunho de Mim»

«São elas [as Escrituras] que dão testemunho de Mim»

«O rosto de Moisés resplandecia porque ele tinha falado com Deus. Aarão e todos os Israelitas viram-no […] e tiveram medo de se aproximar dele. […] Quando Moisés acabou de lhes falar, cobriu o rosto com um véu» (Ex 34,29s). O brilho com o qual o rosto de Moisés resplandecia […]

 
 

A água do batismo cura-nos e dá-nos a verdadeira vida

https://evangelhoquotidiano.org/PT/

Bebei da água viva do Senhor, pois ela brotou para vós (cf Is 12,3). Vinde, vós todos que tendes sede (Is 55,1), recebei a água que sacia. Repousai junto da fonte do Senhor, pois é bela e pura; ela acalma a alma. As suas águas são mais doces do que […]

 
 

O teu filho está vivo

O teu filho está vivo

«Se Cristo morreu e ressuscitou, é para ser o Senhor dos mortos tal como dos vivos» (Rm 14,9). Contudo, «Deus não é o Deus dos mortos, mas o dos vivos» (Lc 20, 38). Por conseguinte, os mortos de quem é mestre Aquele que vive não estão mortos, mas vivos; e […]

 
 

«Vou ter com meu pai»

«Vou ter com meu pai»

Se a conduta deste jovem nos desagrada, aquilo que nos causa horror é a sua partida; por nós, não nos afastemos nunca de um pai destes! Pois a simples visão do pai faz fugir os pecados, expulsa o erro, exclui qualquer má conduta e qualquer tentação. Mas, no caso de […]

 
 

Da sobriedade na oração

Da sobriedade na oração

Que o tecido da tua oração só tenha uma cor. O publicano e o filho pródigo foram reconciliados com Deus com uma só palavra. Quando rezas, não procures palavras complicadas, porque o balbuciar simples das crianças tem muitas vezes tocado o seu Pai dos Céus. Não procures falar muito quando […]

 
 
 
 

Pesquisar neste site

Web manager